FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADES

TESTE DE DROGAS ILEGAIS POR RMN DE BANCADA

teste de drogas ilegais por rmn de bancada

A disseminação de drogas ilícitas se tornou um problema global, não apenas causando danos diretos à saúde física e mental das pessoas, mas também afetando seriamente o desenvolvimento social e econômico. Além das drogas tradicionais, muitas novas substâncias psicoativas (NPS) surgiram nos últimos anos e estão se tornando cada vez mais populares. As novas substâncias psicoativas também são conhecidas como drogas sintéticas ou drogas de laboratório. Para evitar processos, os criminosos projetam e modificam artificialmente a estrutura química das drogas controladas para obter novos tipos com efeitos semelhantes ou até mais fortes do que os das drogas controladas. Devido à nova estrutura dessas substâncias, alguns métodos tradicionais de detecção tornam-se inviáveis, apresentando grandes desafios ao trabalho de prevenção e controle de drogas de toda sociedade.

 

Triagem rápida de drogas sem operadores especializados.

 

A tecnologia de ressonância magnética nuclear (RMN) pode fornecer informações sobre a conexão de estruturas químicas moleculares. É a ferramenta mais direta para a identificação da estrutura do composto e pode ser usada como um meio eficaz para detectar e identificar novas substâncias psicoativas. No entanto, como os espectrômetros de RMN supercondutores de alto campo tradicionais têm requisitos especiais para operação e localização, e devido ao alto custo de uso e manutenção do instrumento, a aplicação da tecnologia de RMN na triagem rápida de drogas nas ruas é limitada.

 

Em resposta aos problemas, a Oxford Instruments forneceu uma nova solução de RMN de bancada para rápida identificação de drogas. O espectrômetro de RMN de bancada X-Pulse da Oxford Instruments usa imãs permanentes de terras raras, não requer nitrogênio líquido, hélio líquido ou outros refrigerantes, é simples de operar e fácil de manter e pode coletar rapidamente espectros de RMN de amostras de drogas suspeitas.

Figura 1. Espectros de 1H unidimensional de três metcatinonas.

 

O banco de dados de medicamentos de apoio permite uma análise rápida e comparação automática dos espectros de amostras desconhecidas com os espectros de referências conhecidas. As amostras podem ser testadas no X-Pulse após simples dissolução e processamento com os espectros coletados automaticamente. A comparação e a correspondência de pontuação são realizadas em relação ao banco de dados de medicamentos especial embutido (que pode ser atualizado à medida que novos compostos são descobertos) para fornecer a melhor correspondência recomendada de substâncias possíveis. Mesmo para uma mistura de várias substâncias de drogas, o instrumento pode ajustar espectros automaticamente contra a biblioteca de impressões digitais de drogas e sugerir possíveis combinações de drogas misturadas de modo que as drogas ilícitas não possam ser disfarçadas. Para a maioria das amostras, a coleta, processamento e análise de dados totalmente automáticos geralmente podem ser concluídos em 5 a 20 minutos.

 

A Figura 1 mostra o espectro de 1H unidimensional de três metcatinonas em um X-Pulse de 60 MHz. As estruturas moleculares desses três compostos são muito semelhantes, com apenas um átomo de flúor ou ligeira diferença na posição de substituição no anel benzeno. No campo superior área de identificação de tipo do deslocamento químico do espectro (por exemplo, 0,5-2,0 ppm), os três têm picos duplos divididos, indicando que pertencem ao mesmo tipo de substância. Na área de impressão digital downfield do deslocamento químico o espectro (como 7,0-9,0 ppm), os três mostram suas próprias características de pico exclusivas, permitindo, assim, a  diferenciação da estrutura química. Ao combinar o padrão de área de identificação de tipo e área de impressão digital da substância desconhecida com o espectro de amostra padrão do banco de dados.

Anfetamina Análoga

 

Veja a metcatinona como exemplo. A metcatinona é um análogo da anfetamina e pertence às drogas psicotrópicas de Classe I estritamente controladas. Pode causar problemas agudos de saúde e danos cerebrais permanentes e, em casos graves, pode ser fatal.

 

Um lote de amostras suspeitas apreendidas por órgãos de segurança pública foi analisado por X-Pulse e cromatografia gasosa com espectrometria de massas (GC-MS) ao mesmo tempo. Os resultados são mostrados na Tabela 1. O número total de amostras analisadas foi de 432, das quais 13 (3,0%) não puderam ser verificadas por RMN devido à não existência de picos de GC-MS, e 3 (0,7%) não continham ingredientes ativos (API) ou aditivos. Entre as 416 amostras restantes que foram confirmadas contendo API ou misturas, 387 (93,0%) dos resultados dos testes de RMN e GC-MS foram exatamente iguais. Nesta base, se as amostras parcialmente combinadas forem adicionadas, o número total chegou a 412 (99,0%). De igual importância, nenhum falso positivo foi encontrado. Esses dados demonstram que o X-Pulse pode detectar e identificar drogas de rua com alta precisão e confiabilidade.

Critérios de correspondência de amostra Quantidade Porcentagem
Número total de amostras analisadas 432
Incapaz de verificar (GC-MS não produz picos) x 13 3,0%
Sem API ou aditivos 3 0,7%
Não pode corresponder 4 0,9%
Correspondência correta (amostra de componente único) 374 86,6%
Correspondência correta (amostra de dois componentes) 13 3,0%
Correspondência parcial (amostras de dois componentes ou multicomponentes 25 5,8%
Verificação de amostras contendo API ou aditivos 416
Combinação exata 387 93,0%
Correspondência exata + parcial 412 99,0%

Figura 2. Tipos e quantidades de drogas ilícitas detectadas pelo X-Pulse (a) Composto de um componente; (b) Mistura de dois componentes.

Identificação de drogas de rua – dados para aplicação judicial.

 

Por meio da comparação e correspondência com o banco de dados de medicamentos do X-Pulse, descobriu-se que mais de 400 amostras questionáveis continham uma variedade de medicamentos diferentes. Entre as drogas de rua que consistem em compostos de um único componente, as mais detectadas foram ecstasy (MDMA), cocaína e cetamina; nas amostras de mistura de dois componentes, cocaína/levamisol, cocaína/benzocaína e outras misturas foram encontradas principalmente (Figura 2).

 

Os resultados podem fornecer referências valiosas para as agências de identificação judicial de segurança pública compreenderem os tipos e prevalência das drogas locais e formularem estratégias de controle e planos de ação correspondentes.  

 

Fonte: Oxford Instruments Magnetic Ressonance

 

Clique aqui para acessar ao artigo original na íntegra.

 

Gostou desse artigo? Clique aqui e descubra mais sobre o espectrômetro de ressonância magnética de bancada X-Pulse.

 

Conheça outras aplicações do RMN de bancada X-Pulse clicando aqui.